pesquisar livros
OK »»» Pesquisa avançada... , Outras...
utilizador   password entrar ( Esqueci-me )



Ficha do Autor
Condessa de Ségur

Biografia
Escritora francesa, de nome verdadeiro Sophie Rostopchine, nascida a 19 de julho de 1799, em São Petersburgo, na Rússia, e falecida a 9 de fevereiro de 1874, em Paris, na França. Filha do conde Rostopchine, ministro do czar e governador de Moscovo, passou a infância na propriedade de família em Voronovo, na Rússia. Em 1817, o pai de Sophie foi acusado de ter ordenado o ateamento de fogos em Moscovo para impedir o reabastecimento das tropas napoleónicas. A família teve de fugir e refugiou-se em França. Dois anos mais tarde, em 1819, Sophie casou com o Conde Eugène de Ségur e tornou-se Condessa de Ségur. Durante a viagem de núpcias viu um castelo em tijolo rosa, no campo, que o pai acabaria por lhe oferecer. Mudou-se com o marido para o campo, para Nouettes à Aube, mas este nunca se adaptou ao tipo de vida rural e passava grandes temporadas em Paris. O casal teve oito filhos, cinco dos quais nascidos em Nouettes à Aube. Quando chegaram as netas, a condessa passou muito do seu tempo a contar-lhes histórias. Depois, as netas Camille e Madeleine de Malavet foram viver para Londres, com o pai, e a Condessa de Ségur para ocupar o tempo passou a escrever as histórias que habitualmente lhes contava. Tornou-se escritora já depois dos 50 anos, altura em que começou a publicar os seus livros que fizeram bastante sucesso. Os romances tinham sempre a presença de crianças como protagonistas, o Bem vencia sempre o Mal, assim como era sempre possível corrigir os erros. Entre os seus livros mais conhecidos estão A Irmã do Inocente, A Pousada do Anjo da Guarda, Comédias e Provérbios, Memórias de um Burro, O Corcundinha, O Génio do Mal e Os Dois Patetas. Todas as suas obras, num total de mais de vinte romances, foram publicadas em França pela editora Hachette na coleção Biblioteca Rosa, dedicada aos jovens, especialmente às raparigas. A Condessa de Ségur morreu em 1874, em Paris, e, mais tarde, à escola de Aube foi dado o seu nome, como forma de homenagem.
Avaliação global:
Avaliação de 84% por 43 voto(s) de utilizador(es) que já leu(leram) livros deste autor



Livros do autor
Loading...


Quem leu este autor também leu...
Vicki Myron
Henryk Sienkiewicz
José Rodrigues dos Santos
Stephen Lawhead
José Mauro de Vasconcelos
Daniel Silva
Agatha Christie
Cornelia Funke
Antoine de Saint-Exupéry
M. Delly
Nicholas Sparks
Júlio Verne
J.R.R. Tolkien
Sebastien Japrisot
Jorge Amado
Jean-Christopher Grangé
carmen bin ladin
Noah Gordon
Erle Stanley Gardner
Robert Louis Stevenson
mário cláudio
Miguel Sousa Tavares
Roald Dahl
Kathryn Harrison
Leslie Charteris
Shusaku Endo
Maria Teresa Maia Gonzalez
Sean Smith
Gustave Flaubert
rene hardy
bbc
Hartley Howard
Pascal Mercier
Nicholas Sparks, Micah Sparks
Ellery Queen
Alexandre Dumas
Disney
Carolina Nabuco
nicholas blake
Johann Wolfgang Goethe
Philip K. Dick
Cathleen Schine
Jeffery Deaver, Anne D. LeClaire, Brian McGrory, Frederick Forsyth
Siba Shakib
Machado de Assis
R. L. Stine
Ana Maria Magalhães e Isabel Alçada
Isabel Allende
Enid Blyton
cunha simões
José Saramago
Paul Auster
lux woman
Peggy Morelan
Robin Nicholas


    
x